Buscar no Site:       Procenge        
Contato Sobre CyberArtes Acervo Encontrei por Aí Dicas & Curiosidades Aprenda Mais Artista da Semana Home

 

[ 332 ]

Desenhando o corpo humano

Tamanho da Letra: Normal +1 +2 +3 Fundo Branco Fundo Preto


Desenhando o corpo humano

Essa matéria foi anteriormente publicada na edição 111.




Talvez os alienígenas em forma de lagartos verdes não considerem dessa maneira mas, para nós, o corpo humano é lindo e cheio de fascínios que o tornam alvo de muitos artistas. Parece que todo mundo deseja desenhar as figuras de homens e mulheres. Principalmente mulheres. Para desenhar o corpo humano tomamos a cabeça como unidade de medida básica. Normalmente o ser humano mede 7,5 vezes o tamanho da sua cabeça, embora essa medida varie um pouco. Pessoas muito altas chegam a ter 8 vezes o tamanho da cabeça ou até mais. Pessoas muito baixa podem medir apenas 7 cabeças ou até mesmo um pouco menos. Essas proporções podem ajudar bastante na hora de fazer um esboço, como esses abaixo, retirado de um curso de desenho da Editora Canaã. Claro que normalmente as pessoas não ficarão assim nessa posição mas é melhor começar simplificando. Veja bem que mesmo em situações simplificadas as medidas não são exatas e a simples mudança da perna de apoio ou inclinação da cabeça pode modificar sensivelmente os pontos de referencia.


Na hora de desenhar é sempre bom estar olhando uma foto ou um modelo vivo pois mentalmente sempre tendemos a reproduzir uma imagem fixa em nosso cérebro e todos os nossos desenhos seriam sempre da mesma figura. Renoir exagerava nesse aspecto. Ele afirmou que poderia desenhar uma folha de cabeça mas desenharia sempre a mesma folha ao passo que olhando a natureza, cresceria em variedade. Tirando fora o exagero de Renoir, isso é uma grande verdade.

Algumas pessoas são realmente longilineas (olha aí redação: o Word está dizendo que essa palavra não existe) e outras mais "atarracadas", e isso independe da altura. Trata-se aqui das proporções de cada um. Compare agora as fotos com os esboços da Editora Canaã. Depois escolha outras fotos e comece a praticar. Essa é a verdadeira dica dessa semana. Pratique. Esse é realmente o único caminho válido.


Por Rê Rodrigues - teorizando
   


Ajude Cyberartes, compartilhe este artigo com seus amigos:

 
 
 

 

 

 

Procenge